Cardi B é capa da Rolling Stone

cardi b

2017 é o ano da rapper Cardi B. A ex-stripper agora é uma das artistas mais quentes do cenário, estourando com o seu hit “Bodak Yellow“, faixa lançada no meio do ano e que levou o prêmio de Single do Ano no BET Hip Hop Awards.

Cardi B é a quinta rapper a liderar o chart da Billboard Hot 100, a primeira desde Lauryn Hill, em 1998. Ela sentou com a Rolling Stone para falar de alguns pontos da carreira dela: “Bodak Yellow“, seu primeiro disco e seu relacionamento com o agora noivo, Offset.

Veja um trecho da matéria escrita por Brittany Spanos:


Cardi B está nua no corredor do hotel dela gritando sobre sua vagina. Em uma noite de Outubro, ela está se preparando para ir até um show em Baltimore e os artigos dados pelo hotel no banheiro não são do gosto dela. “Esse sabão me deu a pior infecção por fungos de 2017!” diz ela com um sotaque do Bronx. “Minha buceta está queimando como um taco mexicano!”

São apenas dez segundos para você notar a presença de Cardi B no recinto com sua força e e personalidade. Apenas sendo Cardi B, no volume máximo, tornou ela uma estrela – primeiro no Instagram, depois no reality show VH1 Love & Hip-Hop: New York – antes dela gravar qualquer música. Ela também derrubou Taylor Swift do topo dos charts pops com “Bodak Yellow”. Ela é a diva do povo – ou a “Mariah Carey do strip club”, como ela já rimou – sem filtro de uma forma que o mundo não deixa as estrelas mulheres serem. Em uma cultura remodelada através das mídias sociais, onde crianças, sem muito background cultural, decidem quem são as estrelas, Cardi B é o que você tem.

Leia a matéria original no site da Rolling Stone.

Facebook Comments

Jhonatan Rodrigues

Fundador do Raplogia em 2011, Joe é fã incondicional de Nas, futebol, cinema e séries de TV. Se apaixonou pelo hip-hop graças aos filmes sobre a cultura e escreve há 7 anos sobre o assunto na internet. Já passou pelo Rapevolusom e foi um dos moderadores do Genius Brasil.