DestaquesNotícias

A agressividade de Vibes Vol. 1 descrita pelo próprio Faustino Beats

By 11 de novembro de 2018 No Comments

O mais novo projeto do rapper e beatmaker baiano é a definição perfeita da jornada de todo artista que busca glórias na indústria musical. Vibes Vol. 1 sintetiza a vivência de Faustino Beats em São Paulo, uma rotina de muito trabalho e criatividade intensa. Nesta sexta-feira (9), ele também lançou o single Cinza em parceria com Ecologyk e reafirmou estas percepções citadas.

Convidamos Faustino para que ele fizesse uma análise sobre a própria obra e o artista escolheu uma faixa para fazer sua dissecação, intitulada Acredita. O processo criativo da canção durou cerca de 2 semanas, tempo suficiente para que o artista conseguisse criar uma atmosfera no estilo dos anos 80, com um baixo diferente do usual 808. O bumbo e a caixa, bastante presentes nesta música, contrastaram com a característica convencional dos love songs pela vontade do rapper de deixar a percussão mais hostil.

“O beat surgiu de um estudo que eu tava fazendo no Fruity Loops. Quando eu sigo alguma influência externa eu tento absorver aquilo pro meu trampo para eu poder ter um repertório maior de truques na manga. Esse foi o primeiro beat que eu tentei fazer com múltiplos hi-hats (o cimbal da bateria) rolando ao mesmo tempo, sendo um no centro, um na direita e outro na esquerda. Se você ouvir de fone, consegue perceber isso muito bem”, conta Faustino.

Antes de definir a letra, o rapper prefere começar a construir a melodia e testar as palavras mais adequadas para depois finalizar sua composição. Neste caso a intenção foi de fazer o público sentir-se afeiçoado com as rimas, mesmo que de forma inconsciente.

“Muitas vezes quando eu faço as melodias busco palavras aleatórias só pra ver o que vai encaixar melhor. Ultimamente tenho pensado muito em fazer refrões que funcionem bem e a partir disso construir o restante numa temática que fique coerente. Nessa música eu busquei as rimas internas e externas (Seu último cara não te deu valor, eu tô vindo aqui pra te pedir um favor, vem comigo e acredita. Pra dar certo não adianta só amor, você não merece uma vida sem sabor, me diz o que você precisa)“.

Se apenas uma faixa foi tratada com tanta primazia, o produto final revela uma sonoridade bem determinada e homogênea, tanto na timbragem quanto na escolha da ordem das músicas de Vibes Vol. 1, um excelente trabalho que instiga o ouvinte a reouvir as tracks sem parar. A evolução do artista é evidente e, a partir de agora, este projeto pode se tornar um divisor de águas em sua carreira.

Deixe seu comentário!
Share this...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Victor Costa

Victor Costa

Jornalista e flamenguista. Fã de Quinto Andar e Sabotage, é um curioso sobre o universo hip-hop. Escreve a coluna "O Rap pelo mundo" e produz vídeos para o canal do Raplogia.

Leave a Reply