DestaquesNotícias

Hip-Hop Contra Ele #1 – Enriqx

By 12 de outubro de 2018 No Comments

União, respeito e conhecimento. Estes são alguns dos valores que o hip-hop prega. Valores que são opostos à ideologia preconceituosa proposta por um candidato a presidente que possui grandes chances de comandar o Brasil, representando um perigo real para esta nação. E vocês sabem de quem estou falando.

Após iniciativa realizada pelo canal RAPTV, o Raplogia decidiu aderir à campanha #Hip-HopContraEle e vamos publicar textos de rappers, DJs, produtores, grafiteiros, B-Boys/B-Girls, enfim, pessoas que se relacionam de alguma forma com a cultura. A primeira publicação é de Enriqx, MC e fundador do coletivo HFF.

“Porque eu sou contra o Bolsonaro.

Passo boa parte da minha vida na noite de São Paulo, especificamente no centro da cidade. Nas madrugadas pelo centro acontecem muitas coisas, vejo muitas coisas acontecendo e vou dar um exemplo simples.

É madrugada, estamos num grupo de cinco meninos indo pra alguma festa na Santa Cecília, atravessamos uma rua e vem um carro acelerando em cima da gente. O carro passa e nós xingamos o motorista, ele desacelera e xinga de volta.

Ok, isso acontece o tempo todo, o dia todo, mas tendo em vista que são 5 garotos negros desviando de um carro com um branco acelerando EM CIMA de nós a situação muda um pouco. Muda ainda mais quando você percebe que esse homem branco estava num carro e os meninos andando a pé, isso mostra uma diferença de cla$$e.

Se as armas fossem legalizadas, as chances do cidadão de bem motorizado estar armado seriam altas, tendo em vista que o grande eleitorado do Bolsonaro/civis pró armamento são homens brancos de classe média alta.

Agora voltando ao nosso cenário de madrugada em São Paulo, sabemos que o motorista do carro provavelmente estava alcoolizado, e vamos ao homem branco armado e bêbado contra garotos desprotegidos na rua de madrugada.

Eu tenho MEDO desse cenário ser possível, eu tenho MEDO de viver numa realidade onde o acesso às armas será ainda mais fácil.

Eu não voto Bolsonaro porque eu temo pela minha vida, espero que as pessoas que se importam comigo façam o mínimo e vão às urnas apertar 13 no dia 28.”

Se você curtiu esta mensagem, passe adiante! Vamos protestar e combater o ódio JUNTOS. E quanto mais pessoas atingirmos, melhor. Que o hip-hop se manifeste em peso contra o fascismo. Em breve teremos novas publicações, então fiquem atentos e vamos à luta!

Deixe seu comentário!
Victor Costa

Victor Costa

Jornalista e flamenguista. Fã de Quinto Andar e Sabotage, é um curioso sobre o universo hip-hop. Escreve a coluna "O Rap pelo mundo" e produz vídeos para o canal do Raplogia.

Leave a Reply