Com quase cinquenta anos de idade, e com uma carreira de mais de trinta anos, Ice Cube é uma lenda. Mesmo sem lançar um álbum desde 2010, quando ele nos trouxe I Am the West, ele continua como uma das grandes pessoas dentro do hip-hop através das suas produções cinematográficas e atuações. Nesse espaço de oito anos, por exemplo, ele trabalhou no ótimo filme Straight Outta Compton, que conta a história do N.W.A.

Everythang’s Corrupt vem sendo falado desde 2012, quando o rapper divulgou o nome do disco. Mas entrou em limbo desde 2014, devido aos projetos cinematográficos de Cube. Em 2018, o décimo álbum solo da sua carreira finalmente viu a luz do dia.

Em entrevista para Zane Lowe, ele explicou a demora do projeto sair:

“Foram oito anos. Tive de colocar ele de lado algumas vezes pois estava focando no filme do N.W.A. Estive trabalhando muito na minha liga de basquete [a BIG] nos últimos anos também… Eu não queria vacilar com o projeto, então coloquei ele de lado e voltei a trabalhar nele quando pude ter foco apenas na música. Acabou tomando um pouco mais de tempo, mas eu estou feliz que fiz isso, porque o timing é perfeito. Pois se você olhar ao seu redor, tudo é corrupto. Se você olhar para a situação em todos os níveis, há corrupção.”

Cube assinou um contrato em Maio de 2017 com a gravadora Interscope. Através dela, ele relançou o disco Death Certificate, um dos seus grandes clássicos, em edição comemorativa de 25 anos. Everythang’s Corrupt é o primeiro álbum do rapper pela gravadora de Jimmy Iovine.

O primeiro single do disco foi “Good Cop Bad Cop“, mais uma música de Ice Cube denunciando a brutalidade policial que ocorre nos Estados Unidos. O som também entrou para a edição especial de Death Certificate.

Outra grande música de Everythang’s Corrupt trata-se de “Arrest the President“, que ataca diretamente o presidente dos EUA, Donald Trump.Prenda o presidente / Esse mano é agente da Rússia,” diz o rapper em um dos versos.

Músicas politicamente carregadas fazem parte da carreira de Ice Cube desde o N.W.A. e ficaram ainda mais em evidência no seu primeiro álbum solo, AmeriKKKa’s Most Wanted, de 1990.

“O peso sobre a administração do Trump está começando a ficar igual ao de Bush pai. Era o peso de todas as políticas voltadas contra as pessoas pobres que estavam tentando subir na vida. Eu sinto que os mesmos ataques estão ocorrendo contra as pessoas mais pobres e vulneráveis. A mesma feiura está voltando a ficar nas cabeças,” disse o rapper sobre o governo de Trump na entrevista para Zane.

Everythang’s Corrupt tem 55 minutos de duração, e traz produtores em sua maioria, desconhecidos. Ouça abaixo:

Deixe seu comentário!
Share this...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Jhonatan Rodrigues

Jhonatan Rodrigues

Fundador do Raplogia em 2011. Ex-escritor do Rapevolusom e ex-Genius Brasil. Me encontre no Twitter falando sobre rap: @JhonatanakaJoe

Leave a Reply